fbpx

Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar
Manufatura inteligente: o que você precisa saber

Transformação Digital

Manufatura inteligente: o que você precisa saber

Jader Rodrigues
Escrito por Jader Rodrigues em 1 de abril de 2021
Junte-se a mais de 10.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Entenda sobre a Indústria 4.0 e como o mercado evoluiu com a Transformação Digital

Já parou para pensar em um cenário onde robôs e seres humanos trabalham em conjunto, com máquinas integradas e conectadas fazendo o “trabalho duro” enquanto as pessoas monitoram remotamente?

Pode até parecer um contexto tirado de uma série de ficção. Mas na verdade, é o dia a dia de uma linha de montagem impactada pela Manufatura Avançada, ou o que você também pode chamar de Manufatura Inteligente.

Na prática, estamos falando da fábrica que adota a Indústria 4.0 em seu processo produtivo. Quer entender tudo sobre essa nova tendência? Continue lendo este artigo!

Veja algumas vantagens que a transformação digital pode proporcionar a sua indústria:

  • Aumento da produtividade e qualidade;
  • Redução de defeitos e custos;
  • Eficiência no uso de matéria-prima e energia;
  • Otimização da fábrica;
  • Customização da produção;
  • Avanço no desenvolvimento de novos produtos;

Como funciona a Manufatura Inteligente?

Quem conhece os bastidores da indústria brasileira, sabe que é muito comum a utilização de microprocessadores e microcontroladores para controlar a linha de produção. Eles funcionam como um computador programado para cumprir apenas uma função pré-determinada.

Na Manufatura Inteligente, as máquinas são autônomas e se comunicam entre os setores da linha de produção – por meio da automação, robótica avançada e Internet das Coisas (IoT).

Com isso, é possível receber informações de todos os equipamentos e funcionários em tempo real, acompanhando cada etapa da fabricação. Esses dados ficam armazenados na nuvem e são analisados graças aos sistemas de Big Data e Computação em Nuvem.

Outra característica que deve ser mencionada é a capacidade de antecipar erros, irregularidades e defeitos no maquinário. Indústrias que aderiram à Manufatura 4.0, reduziram em até 50% o tempo total para solucionar imprevistos na produção.

Por onde começar?

Com base na realidade brasileira e no patamar que o nosso mercado precisa alcançar, é preciso seguir alguns pontos fundamentais para a implantação da Indústria 4.0:

1. Manufatura Enxuta: As indústrias devem eliminar todos os excessos do seu processo produtivo. Só assim será possível identificar os entraves da sua produção e o que precisa ser melhorado antes de aplicar novas tecnologias.

2. Profissionais qualificados: Prepare os seus colaboradores para utilizar os novos equipamentos e invista na especialização do seu time. Ainda de acordo com a pesquisa da Dell Technologies, 59% dos executivos afirmam que o maior obstáculo para a digitalização das empresas é falta de uma equipe preparada.

3. Tecnologia acessível: Comece com tecnologias acessíveis e de baixo custo. Isso mesmo, há ferramentas como sensores, Internet das Coisas, computação em nuvem e big data disponíveis com custo razoável para ajudar os gestores a entenderem a realidade do seu chão de fábrica.

4. Inovação: Para fazer parte da transformação digital, a indústria não pode ter medo de inovar. É preciso ter um apetite insaciável por pesquisa e desenvolvimento, buscando sempre a melhoria constante. Tenha em mente que as empresas mais competitivas são aquelas que mais investem em inovação.

A Indústria 4.0 já é realidade no Brasil, integrando equipes e máquinas inteligentes. Há instituições e empresas ligadas à Transformação Digital prestando serviço ao compartilhar o conhecimento sobre o cenário, com a intenção de ajudar marcas que estão afim de modernizar seu processo produtivo.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *